terça-feira, 5 de junho de 2018

Marabá: Adolescente mata irmão que tentou estuprar irmã

Adolescente mata irmão que tentou estuprar irmã (Foto: Reprodução)
Segundo familiares, a vítima era violenta e já havia agredido o pai, outros familiares e até incendiado a casa da família. (Foto: Reprodução)
Um adolescente de 13 anos assassinou o próprio irmão com dois tiros no início da tarde desta segunda-feira (4) em Marabá, no sudeste paraense. O crime ocorreu no bairro Filadélfia, no Núcleo Cidade Nova. A situação teria ocorrido depois de a vítima ter chegado “alterada” na casa e tentado violentar sexualmente uma das próprias irmãs.

O tenente PM Aureliano explicou que o adolescente contou que, após presenciar o irmão tentando abusar a irmã. O jovem, então, pegou uma espingarda calibre 28, que estava na casa e que seria do pai deles, deu dois tiros no irmão e fugiu.

Após o baleamento, a vítima chegou a ser socorrida por uma equipe do Samu (Serviço do Atendimento Móvel de Urgência), mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Depois de balear o irmão, o adolescente fugiu e, no fim da tarde, foi para a casa da mãe dele, onde foi apreendido. “Quando ele apareceu na casa, a própria mãe entrou em contato com a gente e apresentou o filho”, informou o oficial da Polícia Militar.

AGRESSIVO

Uma das irmãs das vítimas esteve na seccional e contou que a vítima seria uma pessoa muito agressiva. Ela disse que o pai sofria muito com as agressões. “Esses dias ele (vítima) quis matar esse meu irmão e tinha batido no meu pai, tocou fogo na casa, ameaçou o meu irmão. Antes de fazer com o meu irmão, o meu irmão fez com ele (matou)”, contou.

O cunhado da vítima, também confirmou que o homem assassinado era muito violento. “Toda vez que ele bebia batia nos pais, nos irmãos, queria bater em todo mundo. Ele queria pegar a irmã à força e o irmão não aceitou”.

(Alessandra Gonçalves/Diário do Pará com informações de Edinaldo Souza)