terça-feira, 22 de maio de 2018

Dois PMs morrem em um dia; policial vítima de atentado no Sideral não resistiu

Dois PMs morrem em um dia; policial vítima de atentado no Sideral não resistiu (Foto: Via Whatsapp)
Durante o atentado, seis pessoas foram baleadas, uma morreu e dois policiais ficaram gravemente feridos. (Foto: Via Whatsapp)
O sargento da Polícia Militar Elias Brasil da Silva morreu na manhã desta terça-feira (22). Ele estava internado há mais de um mês no Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência (HMUE), em Ananindeua, após sofrer um atentado no campo do Chaveirinho, no conjunto Sideral, no bairro Parque Verde, em Belém.
Elias e o cabo João Rômulo dos Santos Marques, ambos da reserva da Polícia Militar foram baleados por homens que chegaram em duas motos.
Além dos policiais que ficaram gravemente feridos, seis pessoas foram baleadas e uma pessoa - um pedreiro que jogava futebol - morreu no dia do atentado.
De acordo com legistas do Instituto Médico Legal (IML), pelo menos 20 disparos foram feitos contra as vítimas.
O sargento Elias foi o 26º policial militar assassinado no Pará só neste ano.
Em nota, a PM informou que Elias Brasil serviu à Corporação por 29 anos e deixou esposa e filho. O Centro Integrado de Psicologia e Assistência Social (CIPAS) da PM já presta o atendimento necessários aos familiares.
Ainda segundo a PM, é estável o quadro de João Rômulo dos Santos Marques. Ele continua internado no Hospital Metropolitano. 
Relembre o atentado:
Policial é executado com tiro na cabeça
Um sargento da PM também morreu na manhã de hoje, no bairro do Mangueirão, em Belém. Sebastião Rosário Miranda estava em uma motocicleta com a esposa quando foi alvejada na cabeça por dois criminosos, que o aguardavam em uma tocaia.
A dupla roubou a arma do policial e fugiu em direção à região conhecida como invasão do Sabão. Equipes da PM realizaram buscas pelos envolvidos e um suspeito, identificado apenas pelo nome Gustavo, morreu durante troca de tiros com policiais no bairro do Jaderlândia, em Ananindeua, Região Metropolitana de Belém. Equipes continuam as buscas pelo segundo envolvido no crime.
(DOL)